Tudo Certo




Ontem vou acordar cedo
E amanhã fui no McDonald's
Para alimentar-me corretamente.
Tão correto quanto tudo que pretendo escrever.
Desde a madrugada ensolarada estou assim,
Fazendo tudo de acordo com o quê me ensinaram.
Me animei ao ouvir belas canções,
Que citam bundas e excitam a criatividade.
E que fazem-nos pensar de uma forma mais plena.
A cada intervalo entre uma bela música e outra,
Me foi oferecido úteis produtos.
Aos quais seria impossível sobreviver sem eles.
Meus dentes ficaram brilhando ao escová-los,
E meus músculos aumentaram com meu sereal.
Entre um canal televisivo e outro,
Me surpreendí com os noticiários,
Que me deixaram imensamente mais bem informado
e inteligente.
Nunca imaginei que seria possível ganhar milhões
Brincando de trabalhar e fazer imenso sucesso.
E ainda tenho que ouvir pessoas reclamando...
É uma pouca vergonha existir pessoas desprezíveis
que estudam, trabalham, pagam suas contas em dia
e ainda ficam criticando os que fazem as coisas certas.
Como pode, em pleno 2011, ainda existir trabalhadores,
ainda existir pessoas que não usam drogas,
que não rebolam e não posam nuas,
que não participam de estatísticas e pesquisas,
que não são adeptos da moda e do consumo?
Ah, esse mundo tá virado mesmo!
Mas, não posso me estender muito,
ainda tenho que fazer algumas coisas.
Segue a lista do que preciso fazer:

Comer um hamburger que não se decompõe em 20 anos.
Beber um suco natural de uma fruta jamais plantada.
Tomar vitaminas e correr na avenida respirando o ar puro da cidade.
Fazer academia para não ficar deformado.
Ler uma boa reportagem no jornal que fala de novela,Big brother e Fazenda.
Comprar um par de tênis importado para ajudar os pobres europeus.
Comprar um kit de maquiagem, uma saia justa e uma bolsa para minha sobrinha de oito anos.
Colocar cem reais de crédito no celular para poder falar de graça.
E ainda preciso passar no banco, pegar dinheiro emprestado e pagar como puder com baixíssimos juros.

Bem, acho que é isso, afinal, não é fácil se ter uma vida saudável.

Tudo certo!



14 comentários:

  1. Ah!Esse mundo tá virado mesmo!
    Quantas verdades nesse texto, acho que a maioria dos leitores vão se identificar, eu não gosto de suco artificial, gosto da laranja de verdade...
    ñ como certas porcarias dessas lanchonetes,mas adoro chocolates e tortas, vou no shopping e mando brasa. hehe
    Beijos , poeta.
    Mery

    ResponderExcluir
  2. Faz um tempinho que não apareço por aqui, mas é como já disse a vc, cada vez que entro aqui, me surprendo mais ainda!
    Muito boa a sua visão, que tb compartilho, afinal estamos vivendo num mundo onde as coisas que realmente importam ficaram para traz, ou são deixadas de lado!
    Bjs e parabéns

    ResponderExcluir
  3. Ei... quem é vivo sempre aparece, meio virado, confesso! rs mas o importante é retornar com um texto 'bão' desse....

    saudações!

    ResponderExcluir
  4. Ai, que coisa incrivel foi essa tua critica. Adorei a forma sarcastica que abordaste o assunto. Eu heim, não quero isso para minha vida não. Quero ser sempre a trabalhadora, que come vegetais, que cuida da natureza e que adora poesias.

    Bem posto!


    Sou tua fã!!

    beijos

    ResponderExcluir
  5. Meu grande amigo Poeta, seu texto retrata muito bem a rotina de alguém, que poderá ser qualquer um de nós, com os estereótipos que a sociedade requer hoje em dia com uma ironia peculiar.
    Seus textos têm sabedoria e visão da realidade incomuns.

    Obrigado pela visita e comentário gentil no meu link! Não se preocupe porque eu lhe esperarei o tempo que for possível para você se recompor.

    Abraços do amigo de sempre!

    ResponderExcluir
  6. Ótimo poem,ótimo blog,parabéns...
    http://velhosversos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Ah Insano, que texto. O irracional pensamento, sobreposto quase que em uma antítese metafórica do que algumas pessoas possuem como ideologia.
    Teu sarcasmo, é como aquelas velhas poesias de escárnio dos tempos de grandes poetas. Isso muito ainda falta nas gerações atual e futuras.


    Tenho cumprido uma rotina cansativa ultimamente, por isso peço desculpas pela demora na visita. Mais é sempre bom voltar por aqui e encantar-me mais um pouco com tuas palavras!


    Abraços sinceros meus!
    e bom domingo a tí.

    ResponderExcluir
  8. Eu não cultivo palavras...
    Prefiro semeá-las feito flores.
    Quem sabe te embriaguem
    num instante qualquer.

    (Sirlei L. Passolongo)

    Feliz Domingo e beijos meus! M@ria

    ResponderExcluir
  9. ola, como estão as coisas.
    EU passei um tempo sem postar só vivendo do ócio de refletindo, mas a gora to de volta. Dê lá uma passada no meu espeço, vou ficar lisongeado com a sua presença.
    http://otaviomsilva.blogspot.com/
    Forte abraço, F. Otávio M. SIlva

    ResponderExcluir
  10. esse poema sobre erros está lindo, so a errar se sabe aquilo que está certo =) obrigado por todo o carinho ainda presente no meu blog. mudei de espaço, porque as mudanças tornam-nos mais fortes e fazem-nos refletir na vida... eu procurei com que me conhecessem melhor sem mascaras e agora podes encontrar-me em http://naturalacucarado.blogspot.com/ desculpa o desconforto da mudança =)* beijinhos* e obrigada por nao me esqueceres =)

    ResponderExcluir
  11. Ahh, você se supera.
    Com um toque de ironia consegue expor com clareza os problemas e atos desnecessários de um mundo cada vez mais perdido.
    Saudades ;)

    ResponderExcluir
  12. TUDO ERRADO!!!
    Outro dia eu fui a casa de um amigo nosso e percebi que eu havia colocado a camiseta ao avesso e eu disse: Puxa, estou ao avesso!!! E ele respondeu: Vc está ao avesso? Quem sabe fica melhor! Rs rs

    ResponderExcluir
  13. Parabéns por expressar de forma única a ironia que estamos vivendo nesse mundo capitalista e irracional. E se o que verdadeiramente é bom/saudável e digno de respeito se tornou banal p/ sociedade, então sejamos banais.

    Um abraço Poeta Insano, beijos, Íza.

    ResponderExcluir
  14. gostei!!! Loucura mesmo neste mundo consumista é ser normal!

    ResponderExcluir